Panquecas vegan e sem glúten

Panquecas vegan e sem glúten

Panquecas. Quem não gosta? Aqui em casa todos somos fãs. Desde que tive o meu primeiro filho que comecei a fazer panquecas vegan para alguns pequenos-almoços de fim-de-semana cá em casa. Na altura recorria muito a uma receita com aveia e banana que tenho publicada aqui. Não obstante as panquecas serem boas, a massa tinha mesmo que estar no ponto porque a junção da farinha de aveia e da banana resultava numa textura muito pastosa, que tinha que ser trabalhada com muito cuidado para não pegar ao fundo da frigideira. Acabava por demorar muito tempo, pois fazia uma a uma, e só comia no final de ter feito todas… Felizmente que na altura éramos só 3 e não 4 porque atualmente enquanto estou a fazer as panquecas ao lume, os miúdos estão literalmente a vir roubá-las do prato e a comê-las a um ritmo desenfreado. 

Desde que descobri esta receita que usa trigo sarraceno (não a farinha, mas sim o grão demolhado), e que fiz as devidas substituições à receita original, dando mais alguns retoques aqui e ali, que faço as melhores panquecas vegan de sempre.

 

Estas panquecas vegan:

  1. São fáceis de preparar – Batem-se os ingredientes todos ao mesmo temo sem complicações. O único procedimento é deixar o grão a demolhar de véspera.
  2. São rápidas fazer– Na minha frigideira faço 4 médias de cada vez ou 5 pequenas.
  3. Não colam ao fundo da frigideira – Apesar de usarem banana, como uso apenas uma, a massa descola sempre sem problemas na altura de serem viradas.
  4. Saem sempre fofas – A textura da massa também se pode controlar, ou seja, se pretenderem umas panquecas mais altas, podem deixar a massa mais grossa, se pretenderem umas panquecas mais fininhas e por conseguinte mais quantidade, adicionem um pouco mais de leite vegetal. De todas as maneiras ficam sempre fofinhas e leves.
  5. São aptas para celíacos ou intolerantes ao glúten – Pois usam apenas o grão do trigo sarraceno que não contém glúten.

 

4 dicas para que as vossas panquecas vegan sem glúten saiam sempre bem.

  1. Usem uma frigideira grande – Assim fazem mais de cada vez e o processo torna-se mais rápido
  2. Usem uma boa frigideira – Uma frigideira anti-aderente que não seja preciso adicione qualquer tipo de gordura.
  3. Não usem mais do que uma banana – A ideia da banana é a de substituir o ovo, dando às panquecas uma textura mais cremosa, conferindo, ao mesmo tempo, um pouco de doçura.
  4. Não dispensem a raspa de limão – Faz toda a diferença nesta receita, diria que é mesmo o ingrediente secreto, que dá às panquecas um toque maravilhoso.

 

Algumas sugestões de versões de panquecas vegan que comemos cá em casa:

  • Base de manteiga de amêndoa/amendoim e rodelas de banana polvilhadas com canela – A perdição dos miúdos!
  • Regadas com maple syrup e topping de côco e canela – As nossas favoritas (Pais)! 
  • Apenas e só com maple syrup – Ao verdadeiro estilo americano, keep it simple!
  • Com fruta partida, iogurte natural e granola caseira – Versão mais saudável e uma das que mais como também.

Posso-vos dizer que aqui os miúdos, na maior parte das vezes, comem-nas sem nada, à mão e do mesmo modo que comem um naco de pão. Adoram! Aliás as deles, dificilmente páram no prato…

 

Ingredientes 

  • 280g de trigo sarraceno demolhado de véspera, lavado e escorrido (equivale a cerca de 1 chávena de grão de trigo por demolhar)
  • 140 – 200ml de leite vegetal (consoante a altura pretendida)
  • 1 banana madura 
  • raspa de 1 limão
  • pitada de canela ou baunilha
  • pitada de sal

 

Como se fazem as panquecas vegan sem glúten?

  1. Colocam-se todos os ingredientes num processador de alimentos ou num copo de varinha mágica e batem-se por cerca de 3 minutos ou até se obter uma massa fofa e homogénea.
  2. Aquece-se uma frigideira anti-aderente e, com a ajuda da concha da sopa, dispõem-se as panquecas sem adicionar qualquer tipo de gordura.
  3. Quando as panquecas estiverem com a parte de cima a borbulhar, estão prontas para serem viradas. Aí voltam-se de lado e acabam de cozinhar.
  4. Estão prontíssimas para servir com o vosso topping favorito!


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *