Como fazer aguarelas caseiras

Como fazer aguarelas caseiras

Hoje trago um daqueles artigos que adoro, um DIY (“Do it Yourself”) ou em bom português: “Faça você mesmo”. Nesta fase de confinamento que todos estamos a viver, criatividade passou a ser a palavra de ordem. Com miúdos em casa a tempo inteiro a precisar de atenção, com trabalho em fila de espera até à noite, com a lida doméstica a ter de ser feita, não está fácil para ninguém, tenho a certeza.

Quem tem miúdos pequenos tem mesmo de se reiventar para os manter ocupados e para conseguir fazer o que tem de ser feito, tentando no meio disto tudo manter a sanidade mental. Por aqui fazemos um pouco de cada:

Por um lado brincamos muito com eles e fazemos atividades, por outro lado também os pomos a fazer coisas connosco, e assim se vai passando o tempo da melhor forma possível e todos saímos a ganhar.

Outra coisa que resulta muito bem é fazer algo com eles que sirva para depois usarem/brincarem, como é o caso destas aguarelas caseiras.

Temos imenso material de desenho, tintas, guaches, aguarelas, pincéis e afins mas deixámos tudo lá em cima no Norte. Como aqui a maior parte das atividades eram feitas na escola, em casa só temos mesmo o básico para fazerem umas pinturas e uns desenhos. Não me apetecia estar a gastar dinheiro a comprar mais aguarelas para ficar com 3 ou 4 caixas daquelas-que-nunca-mais-vão-acabar.

Foi então que decidi por-me a pesquisar como fazer aguarelas caseiras e encontrei algumas receitas. Tinha todos os ingredientes em casa com exceção da Maizena, que fui comprar e que também já usei para fazer outras experiências.

Algumas notas antes de fazerem as aguarelas caseiras:

  • Sobre os ingredientes – São ingredientes comuns que normalmente temos em casa, talvez o menos comum seja o corante alimentar (eu por acaso tinha). A receita original usava xarope de glucose e ensinava a fazer em casa: basta adiciona uma chávena de café de açúcar a meia chávena de café de água, levar ao lume até ferver e dissolver o açúcar. Deixa arrefecer antes de utilizar. 
  • Sobre a  receita – É bem simples, só juntar tudo, mexer e colocar em recipientes e eles podem ajudar a fazer que é a melhor parte. Ficam sempre muito entusiasmados e depois muito ansiosos para ver o resultado final.
  • Sobre os recipientes – Para armazenar usei uns frasquinhos de amostras de cremes que guardo sempre, a maior parte deles com tampa, mas também reutilizei tampas de garrafão. Lembrei-me que também se pode usar caixas de lentes de contacto. Quem compra líquidos de lentes sabe que cada frasco traz uma caixa de lentes, um autêntico desperdício, mas que até pode ter uma segunda vida nesta situação.
  • Sobre as cores – Usei corantes alimentares em bisnaga que tinha ainda por abrir. Tinha comprado com o intuito de usar em plasticinas caseiras há já imenso tempo, mas estavam em fila de espera porque a plasticina que eles têm dura e dura. Também pensei em usar especiarias mas tive medo que não misturasse bem e decidi não inventar. Usámos 4 cores, que eram as que tínhamos e a partir delas criámos mais umas quantas. A paleta de cores que conseguimos criar é a que vêem na foto. Se quiserem cores mais fortes, adicionem mais corante. Notámos que algumas das nossas cores ficaram um pouco pigmentadas, parecia que o corante não misturava bem (nomeadamente o amarelo), mas isso depois não se refletiu na cor, que acabou por ficar homogénea.
  • Sobre o armazenamento – As aguarelas têm de ficar tapadas por isso mesmo que usem tampinhas de garrafão, terão que ter uma caixa onde as conservar fechadas.
  • Sobre o tempo de espera – O resultado neste caso demora 48h. Este foi o único senão que encontrei: as aguarelas caseiras têm de ficar a secar ao sol durante dois dias. Os miúdos estavam ansiosos 

aguarelas caseiras

E pronto, aguarelas prontas, miúdos contentes e orgulhosos do seu próprio feito, e de há dois dias para cá que só querem pintar! Vamos lá então à receita sem mais demoras.

Vão precisar de :

  • 1 colher de sopa de vinagre branco
  • 1 colher de sopa de agave (a receita pedia xarope de glucose de glucose mas eu usei o que tinha)
  • 2 colheres de sopa e bicarbonato de sódio
  • 1 colher de sopa de farinha Maizena
  • 1 recipiente de vidro
  • 1 batedor de varas
  • corante alimentar (várias cores)
  • palitos (para misturar o corante)

Como se fazem as aguarelas caseiras?

  1. Numa taça de vidro junta-se o bicarbonato de sódio com o vinagre e mistura-se. O preparado vai borbulhar, fruto da reação do vinagre com o bicarbonato, e nesta altura eles também vão adorar ver. Acrescenta-se o xarope de glucose e o amido de milho e bate-se muito bem até ficar com um aspeto homogéneo.
  2. Distribui-se a mistura pelos recipientes, enchendo-os apenas até metade.
  3. Deita-se algumas gotas de corante em casa recipiente e mistura-se muito bem com um palito.
  4. Colocam-se as aguarelas ao sol durante dois dias. Depois de secas, é só juntar um pouco de água com o pincel e começar a pintar.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *